Weby shortcut
Link Facebook

Objetivos

Por Flavio Marques Atualizado em 26/11/14 16:05.

O programa de mestrado em ASSISTÊNCIA E AVALIAÇÃO EM SAÚDE tem como objetivo geral formar recursos humanos altamente qualificados, com uma visão interdisciplinar em Farmácia.

O programa tem como proposta um curso com enfoque teórico-metodológico que proporcione ao acadêmico um entendimento específico às questões ligadas à assistência ao paciente, aos mecanismos de controle da saúde, à qualidade dos produtos, à avaliação de processos de produtos para o bem estar do indivíduo, no intuito de monitorar e promover melhorias na saúde do indivíduo, levando em consideração a necessidade de unir corpos teóricos de diferentes áreas do conhecimento para discutir e solucionar problemas relativos ao diagnóstico, prevenção e tratamento. Os objetivos específicos do programa de pós-graduação em ASSISTÊNCIA E AVALIAÇÃO EM SAÚDE são:

  1.     Formar profissionais éticos, com responsabilidade social e capacitada para aplicar conhecimento teórico-metodológicos adquiridos de forma reflexiva e humanística;
  2.     Qualificar profissionais com conhecimento multidisciplinar para atuar na saúde com cunho tecnológico-humanístico, visando suprir a carência de recursos humanos especializados nos diversos setores em que essas áreas podem contribuir;
  3.     Habilitar professores nas áreas de conhecimento que integra esse programa, buscando elevar a qualidade do ensino de graduação em Farmácia, Medicina, Odontologia, Biomedicina, Enfermagem, Fisioterapia, Educação Física, Biotecnologia, Química, Informática, Ciências Biológicas, especialmente nas instituições de ensino superior da região Centro-Oeste do Brasil;
  4.     Produzir conhecimentos científicos que possam contribuir para o desenvolvimento, disseminação e utilização adequada de ferramentas específicas para a assistência, avaliação, controle e monitoramento da saúde, bem como o desenvolvimento de processos e/ou produtos destinados a estes fins.
  5.     Difundir para a comunidade científica nacional e internacional, principalmente por meio da publicação de artigos científicos e depósito de patentes, os conhecimentos gerados no âmbito do programa;
  6.     Promover o envolvimento da comunidade acadêmica institucional, em parceria com organizações governamentais e não-governamentais, com o estabelecimento de projetos científicos na busca de soluções sustentáveis para o desenvolvimento de ferramentas específicas para a assistência, avaliação, controle e monitoramento da saúde, bem como o desenvolvimento de processos e/ou produtos destinados a estes fins.
Listar Todas Voltar